Estado de Alagoas

Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

» Página Inicial Sala de Imprensa Notícias 2014 FEVEREIRO Secretaria da Mulher, Katia Born, concede entrevista sobre violência contra a Mulher
21/02/2014 - 10h22m

Secretaria da Mulher, Katia Born, concede entrevista sobre violência contra a Mulher

Além da violência contra a mulher Katia Born falou sobre as ações do Governo e o apoio dado a todos as mulheres de Alagoas

Secretaria da Mulher, Katia Born, concede entrevista sobre violência contra a Mulher

Por Rodrigo Cortez

O tema ‘’ Combate à violência contra Mulher ‘’ foi pauta da entrevista concedida pela Secretária da Mulher, da Cidadania e dos Direito Humanos, Katia Born, no programa Jornal do Povo, na Rádio Jornal AM 710 apresentado pelo radialista Marcos Rodrigues. Durante a conversa a Secretária deixou a população informada sobre as ações realizadas pelo Governo do Estado em prol das mulheres alagoanas.

 

Katia Born ressaltou que o 8 de março se aproxima e nesta data é comemorado o Dia Internacional da Mulher. ‘’ Sempre querermos comemorar melhorias. São milhões de mulheres no mercado de trabalho, se formando, passando em concursos públicos, produzindo a riqueza do nosso país, mulher presidenta da República, mas o índice da violência contra a mulher ainda é alto e buscamos combater esse tipo de criminalidade’’, disse Katia Born.

 

A Secretaria da Mulher observou ano passado que houve uma redução em Maceió passando de 47 assassinatos em 2012 para 39 este ano, um índice em queda de 14%. A região metropolitana caiu e o no interior do Estado cresceu. ‘’ Nos recebemos dois ônibus da ministra da Mulher, Eleonora Menicucci. Junto com o comitê começamos a fazer um trabalho na área Rural do Estado de Alagoas. Essa semana nos começamos por Atalaia. Também iremos aos municípios de Maceió, Arapiraca, São Miguel dos Campos, Rio Largo, Atalaia e Delmiro Gouveia’’, informou a Secretária.

 

Os ônibus são equipados com banheiro e duas salas onde equipes de advogados, psicólogos e assistentes poderão atender às mulheres vítimas de violência.


Lei Maria da Penha

 

Segundo a Secretária da Mulher, a luta pela Lei Maria da Penha durou quase 20 anos. Ela disse que a Maria da Penha sofreu tanta violência que acabou numa cadeira de rodas e hoje é o símbolo de denuncias. Born reafirma que ao pequeno tapa ou pequena agressão a mulher deve ir direto a Delegacia da Mulher.

 

‘’ Ao namorar com algum rapaz observe o seu comportamento. Uma ameaça hoje é um assassinato amanhã. Trabalhamos com nosso Centro de Referência que tem transporte para buscar a mulher, além de trabalhar com psicóloga, assistente social e advogado. Nosso Centro ano passado atendeu quase 200 mulheres e estamos ali justamente para isso, fortalecer a Rede de enfrentamento a violência contra Mulher’’, destacou Born.

 

Katia ressaltou que a Secretária trabalha em conjunto com a Defensoria Pública, Ministério Público, CRAS - Centro de Referência de Assistência Social -, Delegacia das mulheres, Centro de Referência da Mulher, Casa Abrigo e que Alagoas conta com 22 municípios que criaram organismos de Mulheres.

 

‘’ O número Dick 180 vai ser instalado hoje dentro da Secretaria da Defesa Social. Vai funcionar de domingo a domingo porque na SEDS existe plantão 24 horas. Cada dia fechamos ainda mais o cerco e combatemos a violência contra a Mulher em todas as esferas da sociedade ‘’, concluiu a Secretaria da Mulher Katia Born.

Ações do documento